Tudo sobre o Programa Bolsa Família

Advertisement

A História do Bolsa Família

História do Bolsa Família

A História do Bolsa Família tem início há alguns anos atrás. Oficialmente a iniciativa foi criada em 2004 por meio da lei 10.836.

O objetivo era unificar os programas sociais dos Governos anteriores, trazendo assim mais facilidade no gerenciamento. Várias iniciativas foram unidades, como o auxílio gás e a bolsa alimentação.

Como essas iniciativas atendiam os mesmos brasileiros, o Governo Federal achou melhor fazer a unificação. E para participar do novo programa, as famílias teriam que fazer a inscrição no CadÚnico.

Veja o que vamos ver nesse artigo:

Advertisement


Sendo assim, fique atento a nossas informações.

A importância do CadÚnico na História da Bolsa Família

O CadÚnico teve um grande impacto na História da Bolsa Família. É por meio dele que o Governo Federal conseguir registrar, identificar e mensurar a quantidade de famílias brasileiras que são de baixa renda, e que vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza.

Todos os demais programas sociais também utilizam esse cadastro. Seja para conceder passagens interestaduais, ou até mesmo meia-entrada para atrações culturais.

Além disso, o CadÚnico também é importante para a História da Bolsa Família, uma vez que também é uma ferramenta de estatísticas. Foi por meio da centralização de informações nesse cadastro que hoje é se tornou visível a parte da população mais vulnerável.

Inclusive, os dados obtidos através do cadastramento de pessoas no CadÚnico são utilizados pelo Poder Público para o desenvolvimento de novos programas sociais, bem como o aperfeiçoamento daqueles que já existem.

Por conta disso que é importante que as pessoas cadastradas no CadÚnico devem manter seus dados sempre atualizados. Somente dessa maneira que o Governo Federal consegue ter mais noção sobre as necessidades de todos, e assim colocar melhorar em prática.

A partir do momento em que sua família estiver cadastrada, sempre que houver alguma mudança (como, por exemplo, mudança de endereço, escola das crianças, renda, entrada e saída de pessoa da família), você deve realizar a atualização cadastral. A família deve procurar o Setor Responsável pelo Cadastro Único ou pelo Bolsa Família em sua cidade e atualizar estas informações.

Como funcionava o suporte do Governo

Como funcionava o suporte do Governo para famílias carentes antes do Bolsa Família?

Apesar da História da Bolsa Família ter começado oficialmente em 2004, quando houve a junção de vários programas sociais, é possível afirmar que desde antes já existiam iniciativas parecidas e que davam suporte a população.

No ano de 2003, por exemplo, foi criado o Programa Nacional de Acesso à Alimentação (PNAA). Ele foi o precursor no que diz respeito a junção de programas sociais, e posteriormente foi transformado no Bolsa Família como conhecemos agora.

Além disso, é preciso salientar que desde 1986 o Governo já vinha estudando alternativas de auxílio para os brasileiros. Isso quer dizer que muito antes da gestão Lula ou FHC, já se pensava nessa necessidade de unificação para otimização do suporte dado pelo Governo.

Advertisement

Mas o que fez do Bolsa Família o sucesso que é hoje, atingindo milhões de famílias em todo o Brasil?

Basicamente, as iniciativas antes desse programa eram de menor amplitude e não tinham tanta organização. Com isso, logicamente que os resultados também eram menores.

Mas é preciso ressaltar que o Bolsa Família também tem seus problemas. Mesmo com o CadÚnico e com o pente fino rigoroso que o Governo Federal passa periodicamente na iniciativa, ainda existem muitos casos de fraude

Ou seja, pessoas que não necessitam realmente do suporte financeiro, mas que se aproveitam de brechas para se manterem no programa. Contudo, atualmente já existem vários canais de denúncia onde os próprios inscritos podem estar fazendo.

A situação do Bolsa Família atualmente

Desde o início, a história da Bolsa Família tem registrado resultados excelentes, que demonstram como o Governo tem agido no combate da pobreza e extrema pobreza. Para se ter uma ideia, atualmente a iniciativa atende 13,7 milhões de famílias brasileiras.

Um detalhe que muita gente não sabe, é que atualmente o sistema de participação no programa funciona com avaliações mensais. Ou seja, o Ministério da Cidadania verifica todos os cadastros mensalmente para elencar quais famílias realmente necessitam do auxílio financeiro.

Além disso, é importante ressaltar que os beneficiários do programa não recebem esse dinheiro sem ter uma contrapartida. Na verdade, eles possuem compromissos nas áreas de Saúde e Educação.

Uma dessas responsabilidades é manutenção da vacinação de crianças e jovens em dia, bem como a frequência escolar dos mesmos. Inclusive, esses itens também são avaliados pelo Ministério para verificar se o grupo familiar ainda precisa do auxílio.

Isso também ajuda na identificação do valor que será repassado para a família, uma vez que o programa tem uma série de modalidades, e dependendo da situação dos integrantes, o Governo Federal pode aprovar a entrada deles em diferentes opções da iniciativa.

Gostou de saber mais sobre a História da Bolsa Família? Quer saber mais sobre como fazer parte desse programa? Então não deixe de procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Advertisement
Veja também...
2 Comentários
  1. Eliana Maria dá Silva Diz

    Como fazer prá mim cadastrar no bolsa família

    1. Nosso Beneficio Diz

      Olá Eliana,
      Acesse o link abaixo e tenha mais informações.
      https://nossobeneficio.com.br/como-fazer-cadastro-bolsa-familia

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Politica de Privacidade
error: Conteúdo protegido!!